TEM NEWS

FIOCRUZ Ceará é modelo de edifício educacional AQUA-HQE

AQUA
Fiocruz Divulgação

Projeto ajuda a inspirar empreendedores brasileiros a construírem cada vez mais edificações escolares com certificação AQUA no país

Graças à uma intensa política de incentivo e conscientização, edificações novas ou existentes já contam com técnicas sustentáveis em suas obras e operação. Porém, quando as atenções se voltam a um edifício educacional ou empreendimento escolar certificado AQUA-HQE, os números ainda são tímidos frente à importância do assunto para usuários, economia e meio ambiente. O campus Ceará da Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ), na cidade de Eusébio, deu o primeiro passo e, por isso, foi escolhido como projeto referência para o artigo de hoje.

 

AQUA
Elton Timbó, arquiteto e urbanista – Divulgação

De acordo com Elton Timbó Farias, sócio-diretor do Architectus, escritório que assumiu a construção, o edifício educacional nasceu como um projeto âncora do PITS – Pólo Industrial e Tecnológico de Saúde. “Foi idealizado para ser um espaço de ensino e pesquisa na área. Seus ambientes foram concebidos a partir de um amplo programa de necessidades, com áreas específicas a gestão e ensino, pesquisa, congressos, convivência e apoio técnico e logístico, para uma população de até 1.200 usuários e com espaço para futuras expansões.

 

Vídeo

 

Edificação escolar – o processo AQUA-HQE

AQUA
Fachada da futura instalação da Fiocruz em Eusébio-CE

 

A certificação AQUA-HQE tem sido obtida pelo edifício da FIOCRUZ Ceará em três etapas distintas: programa, concepção e realização, sendo efetuada, ao fim de cada uma, auditoria presencial pela Fundação Vanzolini, entidade responsável pela emissão do selo. Farias observa que os dois primeiros estágios da certificação foram concluídos, enquanto que a etapa de realização, a ser auditada, encontra-se em período de conclusão, mas já conta com toda a documentação necessária.

 

AQUA
Fases de certificação AQUA-HQE pelas quais passou a edificação educacional, segundo a Fundação Vanzolini

 

As fases de certificação do prédio educacional foram compostas por dois ciclos específicos. “O Sistema de Gestão do Empreendimento (SGE) analisa o sistema de gestão ambiental implementado pelo empreendedor. Já a etapa Qualidade Ambiental do Edifício (QAE) avalia o desempenho técnico da construção e é subdivida em 14 categorias agrupadas em quatro famílias. Os grupos foram qualificados de acordo com o nível de desempenho ambiental em bom, superior ou excelente, formando o perfil ambiental do edifício”, explica o dirigente.

 

AQUA
Camila Orlando, do CTE

Camila Orlando, coordenadora de projetos sustentáveis do CTE – Centro de Tecnologia de Edificações, empresa que concedeu à FIOCRUZ a assessoria em sustentabilidade, destaca alguns dos requisitos sustentáveis atendidos pelo empreendimento educacional. “Dentre as diversas premissas cumpridas, a economia de água e de energia, o conforto dos usuários e a previsão de espaços para uma correta gestão de resíduos durante o uso e a operação do campus foram as demandas do projeto que mais ganharam evidência”.

 

AQUA
Clique para visualizar a tabela em PDF

 

Em nome de edificações educacionais mais sustentáveis

AQUA
De forma equilibrada, há uma unidade entre as edificações e seus usos – Igor Ribeiro, Juliana Miranda e Flavianne Rodrigues_Architectus

 

No Brasil, o campus da Fundação Oswaldo Cruz cearense figura como um dos primeiros edifícios públicos a obter a certificação AQUA-HQE, sendo o primeiro prédio público certificado do Ceará. Na opinião de Camila e Farias, o número de edificações nacionais utilizadas para fins educacionais, que adotam princípios de sustentabilidade, ainda é pequeno. No entanto, concordam que empreendimentos escolares como a unidade FIOCRUZ, servem de exemplo e incentivo a futuros projetos que têm tudo para se desenvolverem.

 

AQUA
Conceitos de modernidade, inovação, funcionalidade e adaptabilidade – Igor Ribeiro, Juliana Miranda e Flavianne Rodrigues_Architectus

 

“Como grande parte dos edifícios educacionais são construídos por órgãos públicos, é importante que o governo estude meios de incentivo financeiro para que as práticas de sustentabilidade sejam incorporadas ao projeto e à obra dessas edificações”, avalia Camila. Elton Farias conclui, considerando que ainda há um longo caminho a ser percorrido até que haja um convencimento dos usuários e gestores públicos e privados. “Acredito que em breve soluções projetuais sustentáveis naturalmente farão parte das concepções arquitetônicas, de engenharia, gestão e uso das edificações, principalmente aquelas voltadas ao uso coletivo como as escolas”.

 

AQUA
Os edifícios do complexo educacional foram dispostos em eixo longitudinal a fim de aproveitar a insolação e ventilação naturais – Architectus

 

Ficha técnica | Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ Ceará)

Ano de entrega

2017

Prazo de execução

3 anos

Área total construída

28.351,01 m²

Área total certificada

60.219,08 m²

Construção

CG Construções

Gestão | Arquitetura | Fiscalização
Engenharia | Gerenciamento de obra

Architectus

Consultoria em sustentabilidade

Agente de comissionamento

CTE – Centro de Tecnologia de Edificações

Colaboradores no projeto | FIOCRUZ

Leonardo de Lacerda, arquiteto e urbanista – coordenador projetos pela Fiocruz

Américo Farias, engenheiro civil

Bruno Lobo, arquiteto e urbanista

Eduardo Barilli, engenheiro civil

Felipe Barreto, engenheiro eletricista

Gerson Amaral, arquiteto paisagista

Kathia Roman, arquiteta e urbanista

Rômulo Santos, engenheiro civil

ACM fachadas

Alucobond

Brises

Hunter Douglas

Chillers e falcoils

TRANE

Cimentos CPIII e CPIV

Arcelormittal

APODI

Esquadrias

Alcoa Alumínio

Fachadas

Atlas

Forros e drywall

Knauf

Louças sanitárias

DECA

Metais sanitários

DOCOL

Pisos

Portobello

Pisos drenantes

Jotadois

Rejuntes e impermeabilizantes

Webber

Sistemas de iluminação natural

Solatube

Sistemas VRF

LG

Split inverter

CARRIER

Telhado verde

Ecotelhado

Telhas

ISOEST

Tintas

Sherwin Williams

Vidros de controle solar

Cebrace

 

 

Quer se manter informado sobre outros projetos, tecnologias e eventos para construção sustentável? Assine o nosso boletim informativo!

Verificar também

BIM

Plataforma BIM: benefícios e aplicações práticas

Entre as possibilidades que o BIM oferece, estão os ensaios e simulações para análises de …

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *