TEM NEWS

Hospital Regional Litoral Norte ganha certificação AQUA-HQE

Hospital
Projeto do Hospital Regional Litoral Norte – Foto: Divulgação

Antes mesmo de ser entregue, hospital localizado em Caraguatatuba recebe selo da Fundação Vanzolini por técnicas modernas e eficientes de sustentabilidade

Para nós da TEM Sustentável é sempre uma alegria levar a você notícias de novos projetos de construção ou retrofit que tenham adotado métodos sustentáveis em suas etapas. E graças ao avanço da divulgação e do mercado de materiais, equipamentos e tecnologias, elas têm sido uma constante por aqui. O Hospital Regional Litoral Norte é mais um exemplo de conduta firme na busca por sustentabilidade, eficiência energética e saúde aos seus usuários.

Tanto que as estratégias adotadas durantes as fases de pré-projeto e projeto levaram o hospital a receber a certificação AQUA-HQE de alta qualidade ambiental, concedida pela Fundação Vanzolini. Localizado na cidade de Caraguatatuba, em São Paulo, o hospital é o terceiro empreendimento da Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo a receber o selo e faz parte do Projeto de Fortalecimento da Gestão da Saúde do Estado de São Paulo, programa financiado pelo BID (Banco Internacional de Investimento) e o Governo do Estado.

 

Os motivos da certificação

Os recursos sustentáveis que levaram o Hospital Regional de Caraguatatuba a ser certificado incluíram procedimentos voltados à economia de água e energia e o uso de materiais que não agridem o meio ambiente. Aquecimento de água por energia solar, utilização de água de reúso nas bacias e jardins, teto verde, bicicletário, adoção de piso de borracha ou marmoleum (fibra natural) e pisos drenantes nas áreas externas, iluminação com lâmpadas LED e brises para a redução da incidência solar nas faces leste e oeste.

 

Hospital
Geração de energia via painéis fotovoltaicos no Hospital Regional Litoral Norte – Foto: Fundação Vanzolini

 

Outro destaque sustentável do hospital foi o estudo prévio de implantação do empreendimento na malha urbana e do edifício no terreno, garantindo a acessibilidade e otimização da climatização ao edifício. Aliás, as precauções ambientais têm sido tomadas desde o início do processo construtivo do centro hospitalar, da implantação do canteiro de obras à execução da obra em si. Englobam o reaproveitamento de entulhos e a melhoria dos processos produtivos de construção, vitais para a qualidade ambiental do empreendimento.

De acordo com a Fundação Vanzolini, a certificação AQUA-HQE para edificações baseia-se em 14 objetivos de desempenho que devem ser atingidos em níveis base, boas práticas e melhores práticas, ultrapassando as exigências que correspondem à regulamentação vigente ou à prática corrente, equilibradamente distribuídas. Conheça-os a seguir:

 

14 critérios AQUA-HQE para edifícios

Eco-construção

Eco-gestão

Conforto

Saúde

Relação com o entorno

Da energia

Térmico

Qualidade sanitária dos ambientes

Escolha integrada de produtos, processos e sistemas construtivos

Da água

Acústico

Qualidade sanitária do ar

Canteiro de obras com baixo impacto ambiental

De resíduos de uso e de operação

Visual

Qualidade sanitária da água

Manutenção com a permanência do desempenho ambiental

Olfativo

 

 

O hospital, em detalhes

O projeto do Hospital Regional Litoral Norte prevê a construção de 186 leitos operacionais, distribuídos em 48 voltados à clínica médica, 48 para clínica cirúrgica, 25 de ortopedia e traumatologia, 25 para neurocirurgia e 40 leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). Segundo Maria Cristina de Oliveira Gomes Jotten, arquiteta e gerente técnica de projetos e obras de infraestrutura UCP/BID, certas determinantes da certificação AQUA-HQE impõem alternativas mais bem estudadas que direcionam e garantem melhor qualidade.

O hospital também contará com um Centro Regional de Oncologia que, de acordo com o coordenador do Projeto de Fortalecimento da Gestão de Saúde, Ricardo Tardelli, trata-se de um anexo ao Hospital Regional. Já há uma área ao lado do empreendimento e a ideia é concentrar os serviços de quimioterapia e radioterapia em Caraguatatuba para dar conforto aos pacientes e familiares. “A proposta com um prédio anexo é ideal para centralizar os serviços. Temos uma demanda grande de pacientes oncológicos que acabam tendo que se deslocar para outras cidades”, observa Tardelli.

 

Hospital
Projeto do Hospital Regional Litoral Norte visa reforçar o atendimento de saúde na região – Foto: Divulgação

 

“A população do Litoral Norte de São Paulo ganhará um hospital de alta tecnologia médica, inserido na paisagem urbana, dentro dos atuais conceitos de sustentabilidade e que trará desenvolvimento econômico à região, com abertura de novos postos de trabalho, empregos diretos e indiretos desde a obra até a sua operação”, completou Maria Cristina. A arquiteta afirma, ainda, que os pontos avaliados pela certificação são realmente norteadores pelo desempenho do edifício e ajudam projetistas e empreendedores a garantirem maior eficiência.

 

Ficha técnica | Hospital Regional Litoral Norte

Área total

20.226,96 m²

Área construída

7 mil m² e 6 pavimentos

Previsão de entrega

2º semestre de 2018

Prazo de execução

24 meses

Investimento

R$ 250 milhões

Cliente

Secretaria da Saúde do Estado de SP

Executores

Governo do Estado de São Paulo e BID

Consultoria em sustentabilidade

Inovatech

Construção/Arquitetura

Fernandes Arquitetos Associados

 

Quer se manter informado sobre outros projetos, tecnologias e eventos para construção sustentável? Assine o nosso boletim informativo!

 

Verificar também

Projeto

Projeto ecoeficiente conquista certificação LEED no interior de Minas Gerais

Soluções estratégias adotadas no projeto promovem uma significante redução no consumo de energia e de …

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *