TEM NEWS

Pisos permeáveis: economia, design e eficiência

construção
Exemplo de piso permeável da Glasser – Divulgação

Começar literalmente pelo alicerce pode ser o primeiro passo na busca por uma construção mais sustentável e certificada. Conheça os pisos permeáveis!

Foi-se o tempo em que permeabilidade era preocupação apenas de projetos urbanísticos. Hoje, sobram soluções não só para a drenagem urbana de grandes cidades, como para a pavimentação externa de quaisquer edificações pautadas em sustentabilidade, sejam elas residenciais, comerciais, corporativas ou industriais. Os pisos permeáveis, por exemplo, figuram entre as mais atualmente aplicadas quando o que se busca é a manutenção da porosidade do solo como critério para uma construção verde.

O tema, aliás, merece atenção. Solos que disponham de um perfil impermeabilizado podem levar a graves consequências estruturais e sociais. Enchentes ocasionadas pelo alagamento de áreas baixas estão entre as principais, bem como a formação de poças, escoamentos superficiais e deformidades. Os pisos permeáveis entram para evitar tais danos, servindo como uma opção que, além de ecológica, garante estética e bem-estar, uma vez que reduzem as ilhas de calor e a manutenção com a limpeza de bueiros e sistemas de drenagem superficial.

 

Pisos
Cláudio Oliveira Silva – ABCP

O engenheiro Cláudio Oliveira Silva, gerente de Inovação e Sustentabilidade da Associação Brasileira de Cimento Portland (ABCP), explica que pavimentos permeáveis são dimensionados para suportar cargas do tráfego de pedestres ou de veículos e, ao mesmo tempo, permitirem a passagem de água sem que ocorra danos à estrutura da pavimentação. Daí também serem conhecidos por pisos drenantes. “O recurso retirado da superfície pode retornar ao lençol ou ser reaproveitada como água de reúso”, destaca Silva.

País afora, além de disporem do suporte e expertise da ABCP, empresas e profissionais da construção sustentável podem contar com os serviços e conhecimentos da BlocoBrasil (Associação Brasileira da Indústria de Blocos de Concreto) no uso de pisos permeáveis. Ao TEM Sustentável, seu presidente, Ramon Otero Barral, afirmou que “a entidade está bastante empenhada na divulgação da melhor maneira de especificar o pavimento permeável por meio de seminários de capacitação organizados em várias regiões do Brasil pela associação”.

 

Construindo com pisos permeáveis – técnicas e benefícios

Calçadas, estacionamentos, garagens, grandes pátios. Praticamente todos os tipos de obra podem receber pisos permeáveis, sendo que em cada caso se faz necessário avaliar a que tipo de carga o pavimento estará submetido, além de conhecer as condições pluviométricas do local. Silva alerta, ainda, que para o uso do piso permeável de forma a que seu sistema funcione adequadamente é importante cumprir as especificações da ABNT NBR 16416 voltadas à granulometria, resistência à abrasão, requisitos dimensionais, dentre outros fatores.

 

Pisos
Pavimento com placas de concreto drenante – BlocoBrasil

 

Os pisos permeáveis podem ter os revestimentos moldados no local ou pré-fabricados. Quando pré-fabricados, são produzidos em indústrias e podem ser divididos em: peças de concreto permeáveis, peças de concreto com juntas alargadas, peças de concreto com vazados e placas de concreto permeáveis”, esclarece o engenheiro. Nesse caso, a instalação é similar à execução do pavimento intertravado, sendo que a camada de revestimento é composta por peças de concreto e uma camada de pedrisco com granulometria contínua e sem finos.

 

Pisos
Pavimento com pisos drenantes de juntas alargadas – BlocoBrasil

 

Quanto à manutenção do piso drenante, deve ser realizada sempre que o coeficiente de permeabilidade estiver abaixo do mínimo estipulado pela norma, ou seja, 10-5 m/s, sendo que o ensaio também precisa seguir os métodos nela descritos. “A conservação consiste na varrição para retirada do material mais grosso, aplicação de água sob pressão para retirada do material fino (que colmata os poros) e na aplicação de sucção para complementar a retirada do material fino e recuperar a permeabilidade do pavimento”, adverte Silva.

 

Pisos
Requisitos das camadas e do revestimento dos pisos permeáveis, segundo a ABCP

 

As vantagens do emprego de pavimentos permeáveis de concreto estão, ainda, no maior aproveitamento das áreas edificadas, já que permitem utilizar uma parcela das extensões que devem permanecer porosas. “Além disso, pode-se aproveitar incentivos fiscais por sua adoção; algumas Prefeituras já oferecem descontos no IPTU caso a edificação faça uso do pavimento permeável”. Em relação a custos, depende de variáveis específicas do projeto, mas em alguns casos pode ser uma solução bem mais econômica”, observa o gerente da ABCP.

 

Pisos
Coeficiente de permeabilidade dos pisos drenantes, segundo a Norma ABNT NBR 16416 – ABCP

 

Opções de mercado seguras e sustentáveis

Os agentes da construção civil que pensam em incluir pisos permeáveis em seus projetos têm como alternativa os produtos da TecPavi Pré-Moldados, que trabalha com o fornecimento de drenantes da marca PaviDreno e mão de obra especializada para assentamento. Seus modelos chegam à obra prontos para instalação, além de serem fabricados em diversas cores, o que facilita a adequação a diferentes projetos de paisagismo. As peças são facilmente aplicadas e não exigem secagem, assim como ocorre com o concreto não poroso.

 

Pisos
Hoje, a TecPavi trabalha apenas com pisos permeáveis, oferecendo quatro modelos diferentes – Divulgação

 

Glasser – Soluções em Alvenaria e Pavimentação é mais uma empresa que fornece inúmeras opções aos profissionais da área que valorizam o emprego de pisos permeáveis. Seu mais novo modelo, o Glasser Ecopiso©, apresenta juntas maiores que as convencionais, permitindo maior drenagem do solo. Sua resistência é qualidade que também chama a atenção: as peças toleram qualquer tipo de tráfego, que pode ser de 2 mil a 40 mil quilos. A Pisograma e SQ-Dreno são outras de suas linhas, além de placas de 40 cm x 40 cm.

 

Pisos
Pisograma da Glasser – Foto: www.nfnoticias.com.br

 

De acordo com os executivos responsáveis pelas marcas, outro importante benefício dos pisos permeáveis é sua qualidade antiderrapante, uma vez que não acumula água em sua superfície. Unânimes, ambos afirmam que a pavimentação permeável aumenta a segurança das calçadas ou das superfícies ao redor de piscinas, evitando quedas e escorregões. Ainda, a reutilização do piso em caso de reparos é outro ganho, já que pode ser substituído sem gerar entulho e sem a necessidade de adquirir novas peças.

 

Pisos
O espaçamento dos pisos permeáveis Glasser é de de 6mm, com poder drenante que varia de 50% a 100% – Divulgação

 

Com o patrocínio de:

 

 

 

 

Quer se manter informado sobre outros projetos, tecnologias e eventos para construção sustentável? Assine o nosso boletim informativo!

Verificar também

pavimentos permeáveis

Pavimentos permeáveis possibilitam captação de água

Pré-fabricados ou moldados no local, os pavimentos permeáveis são opção para armazenamento de água de …

Um comentário

  1. Pingback: Glasser

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *