TEM NEWS

PVC torna a obra sustentável e ainda ajuda a obter certificações

PVC
Divulgação

PVC torna a obra sustentável e ainda ajuda a obter certificações

Que o PVC ou policloreto de polivinila é um material versátil, bastante falado e faz parte do nosso dia a dia, por vezes bem mais do que imaginamos, nós bem sabemos. De insumos para segmentos médico-hospitalares, frascos e garrafas a brinquedos de diferentes dimensões, produtos infláveis, itens escolares, tecidos e embalagens em geral. Cada vez mais objetos que tenham como base o material em PVC têm garantido seu espaço no mercado, e com a construção sustentável não seria diferente.

Além de flexibilidade na aplicação, uma das características que mais chamam a atenção para esse termoplástico é sua capacidade de preservar o meio ambiente quando usado. Tal qualidade começa já na produção, que evita a emissão de CO2 e leva água e sal marinho como matérias-primas principais, sendo esses recursos naturais e infinitos. Outro elemento utilizado como base do PVC, mas em menor quantidade, é o eteno ou etileno de petróleo, que pode ser substituído por álcool de cana-de-açúcar, ou seja, mais uma opção renovável.

 

Vantagens sustentáveis e práticas do PVC

Não bastasse ser ambientalmente correto, segundo o Instituto do PVC, entidade que representa diferentes segmentos da cadeia produtiva do material, o policloreto atua de forma a atender outros dois princípios do desenvolvimento sustentável: o avanço econômico e a responsabilidade social. Para o primeiro, ele é capaz de oferecer ao mercado artigos que atendam às suas necessidades e agreguem valor à economia, enquanto que, socialmente, gera empregos e produz bens que ajudam a melhorar a qualidade de vida dos cidadãos.

 

PVC
Pixabay

A reciclagem do PVC também merece destaque e, por isso, é considerada parte fundamental do aspecto ecológico e social desse termoplástico. Apesar de sua vida útil de dois a 100 anos, o Instituto explica que ele é 100% reciclável e, por meio mecânico, dá forma a novos insumos sem utilizar processos químicos. Ainda, a análise do ciclo de vida (ACV) do material atesta que os vários estágios de seus processos, “do berço ao túmulo”, têm avaliação positiva devido aos baixos impactos ambientais que causam, sobretudo quando comparados aos de concorrentes.

 

Evolução da produção de PVC reciclado - Pesquisa Maxiquim e Instituto do PVC
Evolução da produção de PVC reciclado – Pesquisa Maxiquim e Instituto do PVC

 

Sustentabilidade à parte, o PVC é igualmente vantajoso por seu lado prático e funcional, sendo:

  • Atóxico;
  • Impermeável;
  • Estável em relação à cor, mesmo sob ação da natureza;
  • Seguro, uma vez que evita a ocorrência de incêndios por não propagar chamas e resistir a choques;
  • Resistente contra fungos, insetos e fatores químicos;
  • Leve, pesando apenas 1,4 g/cm3.

 

O PVC e a construção civil

PVC
Tubos e conexões de PVC são largamente usados na construção civil – Huber Engineered Materials

 

Quase 70% de todo o seu mercado nacional. Essa é a estimativa de consumo do material pelos setores de construção e arquitetura, com especial utilização em tubulações, caixilhos e esquadrias de PVC, os perfis mais populares entre o segmento. Especialistas experientes na execução de edificações e que fazem uso da matéria-prima, como a consagrada arquiteta Paula Pannunzio, afirmam que, no mundo, a venda de esquadrias ultrapassa a de madeira, alumínio, ferro e outros materiais, já que o PVC é mais firme e durável para a construção.

 

PVC
Perfis leves de PVC para a construção civil – Ideias da Mary

 

Pisos, revestimentos, laminados impermeáveis, calhas, móveis para ambientes externos e divisórias também estão entre os inúmeros produtos fabricados com o policloreto de polivinila. Porém, de acordo com Miguel Bahiense Neto, diretor executivo do Instituto do PVC, quando o assunto é arquitetura sustentável as atenções se voltam às portas, janelas e ao forro de PVC por atuarem como excelentes isolantes térmicos (além de acústicos e elétricos), qualidades que resultam em uma considerável economia de energia.

“Recentemente, realizamos a primeira análise do país voltada à ecoeficiência de um produto de PVC. Ela compara aspectos ambientais e econômicos de janelas brancas de policloreto e de alumínio, contemplando a produção, montagem, instalação, uso (com e sem ar-condicionado), manutenção e destinação final. Os resultados mostraram que as primeiras são mais ecoeficiente que as segundas. Na avaliação das 11 categorias analisadas, a janela de PVC apresentou melhor desempenho em dez, destacando-se, principalmente, na categoria Consumo de Energia, que tem a maior relevância no estudo”, exemplifica Neto.

 

Ainda sobre a relação sustentabilidade/construção, as propriedades que permitem ao PVC poupar a natureza e contribuir com a sociedade e economia fazem do material um grande aliado na obtenção de certificados ambientais como LEED® e AQUA. Tais características proporcionam às edificações os pontos exigidos no processo de certificação e atendem aos requisitos necessários para que uma obra seja considerada sustentável, tais como eficiência energética, impermeabilidade, preservação de recursos, reciclabilidade, entre outros.

No entanto, não basta aos perfis de policloreto manter o caráter sustentável para o setor; é preciso atender a normas e funções específicas. Prova disso é o “Programa Setorial da Qualidade – Perfis de PVC para Forros” da Associação Brasileira dos Fabricantes de Perfis de PVC para Construção Civil (AFAP), que fiscaliza e denuncia ao Ministério Público possíveis irregularidades com os forros fabricados no país. O objetivo da ação é melhorar a qualidade dos produtos, fazendo-os atender aos requisitos de desempenho da NBR 14285.

 

Aos interessados em empregar perfis de PVC em seus projetos, também é importante lembrar que o material indicado para a construção civil é aquele fabricado a partir do petróleo e não da cana-de-açúcar. Isso porque artigos produzidos com PVC de cana são os de ciclo de vida curto, como é o caso das embalagens. Mas não se preocupe! Pois além de conter menos petróleo que outros tipos de termoplásticos, o PVC adequado para a construção mantém seu perfil sustentável graças à manutenção do carbono, que é obtida pela longa duração das próprias peças.

 

Continue acompanhando nossos artigos que, em breve, o TEM Sustentável trará novas soluções e produtos de PVC que podem ser ideais às suas obras. Aguarde!

 

Fique informado sobre as novidades aqui do portal. Assine.


 

Verificar também

pavimentos permeáveis

Pavimentos permeáveis possibilitam captação de água

Pré-fabricados ou moldados no local, os pavimentos permeáveis são opção para armazenamento de água de …

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *