TEM NEWS

Nova tecnologia para verticalização fotovoltaica chega ao Brasil

Exemplo de verticalização fotovoltaica com o Calyxo – Divulgação

Em parceria com empresa alemã Calyxo, a Tek Energy traz ao país uma nova tecnologia para atender a crescente demanda para verticalização fotovoltaica do nosso mercado interno

O alto índice de verticalização arquitetônica nas grandes cidades sempre foi um grande obstáculo para a maior disseminação da instalação de sistemas de energia fotovoltaica. Porém, com a chegada de uma nova tecnologia alemã ao Brasil, haverá um novo mercado a ser atendido no país, o da verticalização fotovoltaica.

É o que vislumbrou a Calyxo, um dos principais fabricantes alemães de módulos solares de película fina de telureto de cádmio (CdTe), que em parceria com a Tek Energy, subsidiária da Tek Trade International, estabelecida em Balneário Camboriú/SC, lançará no Brasil durante a feira Intersolar South America (Expo Center Norte em São Paulo de 22 a 24 de agosto) o modelo CX3Pro 85W.

 

 

Esta é a última versão da película fina de CdTe, altamente resistente a ambientes com altas temperaturas ou alta incidência de sombra. “Essas características tornam este módulo ideal para o clima do Brasil, pois trabalha muito bem com a luz difusa, ou seja, que é refletida pelo entorno, seja pela superfície de outros edifícios, pelo solo ou que transpassa as nuvens. São peculiaridades que conferem uma vantagem enorme para regiões com alta densidade de imóveis e edifícios e para o litoral que possui muita presença de nuvens o ano todo”, enfatiza Douglas Salgado, diretor comercial da Tek Energy

 

Design e modernidade a serviço da eficiência energética

 

Além do revestimento funcional em paredes externas de empreendimentos imobiliários, visando a verticalização fotovoltaica nos centros urbanos, há várias outras aplicações que conferem versatilidade ao produto, tais como, a utilização em cobertura de garagens, pergolados ou até substituindo as telhas convencionais em residências de alto padrão. São inúmeras possibilidades a serem exploradas pelo arquiteto que poderá ousar na hora de dimensionar a solução em cada projeto para torná-lo inovador e sustentável.

 

 

Para quem se destina, quanto custa e onde comprar?

O painel solar de filme fino aplicado no telhado de residências – Divulgação

 

Por ser um produto facilmente adaptável a diversos tipos de projetos, o Calyxo CX3Pro 85W poderá ser facilmente incorporado a novos projetos ou em reforma de empreendimentos já construídos. “Vemos como importantes aliados, o arquiteto e o engenheiro, além do profissional que já atua no mercado de energia renovável. Até mesmo comerciantes de revestimento convencional podem introduzir o revestimento funcional em seus portfólios”, indica o diretor Douglas.

Quanto a valores, o metro quadrado parte de R$ 850,00, com estruturas mais simples e de R$1.500,00 com estrutura semelhante à pele de vidro, o que não foge muito ao já praticado para a pele de vidro convencional. Mas sempre é bom enfatizar que cada projeto, seja para verticalização fotovoltaica ou não, possui suas peculiaridades e necessidades diferentes, por isso, é necessário ter em mente que este fator é o que inevitavelmente apontará a maior variação de valores.

 

Mais economia, conforme o tipo de projeto a ser realizado – Divulgação

 

Outro forte parceiro comercial da Tek Energy, para revenda/distribuição do CX3Pro 85W, é a Ribeiro Solar, que há mais de quarenta anos distribui equipamentos de grandes marcas para o setor elétrico, no sul do país. Aliás, será no estande da Ribeiro que a Tek Energy estará expondo este lançamento, durante a Intersolar South America.

O novo produto também estará disponível em loja online, além dos canais de distribuição convencionais. O cliente poderá adquirir o produto pela internet e solicitar um profissional próximo a sua residência para realizar a instalação.

 

Verticalização sustentável

Funcionalidade do revestimento para verticalização fotovoltaica – Divulgação

Além de ser uma solução arquitetônica inovadora para revestimento de edificações, por trazer a beleza, elegância e a modernidade do vidro, o CX3Pro 85W cumpre um papel duplo em termos de sustentabilidade, porque além de ser um componente excelente para captar e gerar energia limpa renovável, evita que o CdTe, um resíduo da indústria de mineração, impacte o nocivamente o meio ambiente.

“O processo de fabricação dos módulos em CdTe é menos poluente. Além disso, por suas características de design ainda tem a vantagem de substituir, em muitos casos, outros tipos de materiais que seriam usados como acabamento. Dessa forma, se torna uma solução funcional e inteligente para a aplicação” informa Douglas Salgado.

 

“Todo sistema fotovoltaico só deve ser instalado por profissionais capacitados a manusear esse tipo de produto. Cada painel Calyxo é testado individualmente e submerso em solução salina para comprovar o perfeito isolamento e segurança no seu manuseio”, completa Salgado.

 

Exemplo de projeto arquitetônico diferenciado, utilizando o painel solar Calyxo na Dinamarca – Divulgação

 

O CX3Pro 85W possui todas as certificações internacionais de qualidade e foi homologado para o mercado brasileiro pelo INMETRO, além de ser classificado com o selo A de eficiência PROCEL.

 

 

Fique informado sobre as novidades aqui do portal. Assine.


Verificar também

baterias

Baterias – Garantia de operação segura à noite e em dias nublados

Responsáveis pelo armazenamento de energia, baterias são essenciais nos sistemas isolados de energia solar fotovoltaica …

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *